Os únicos momentos em que você deve vender uma ação

Saiba qual é o melhor momento para vender uma ação🏦

Como saber a hora certa para vender uma ação no mercado de investimentos?


Neste post estaremos te explicando quais são os dois únicos além disso momentos em que você investidor deve vender uma ação, caso você faça Buy And Hold.

Mas antes nós iremos tocar nos momentos em que não devemos vender as nossas ações. O primeiro deles é quando a ação começa a cair inesperadamente. investe no longo prazo você vende as ações logo porque você certamente não quer perder mais dinheiro, com valores mobiliários

No momento em que você investidor pode inclui uma ação na sua carteira, você já passou por todo um processo de análise fundamentalista para definir se aquelas ações que você comprou fazem sentido para você no longo prazo o momento para vender ações.

Assim, você de fato se torna um dos sócios daquela empresa. Acontece que, oscilações de curto prazo podem provocar perdas pontuais nos seu patrimônio, o que é normal e acontece com todo mundo.

Mas isso pode assustar o investidor iniciante e o induzir a vender as suas ações depois que elas começam a cair um pouquinho pelo receio de não perder mais. Mas esse não é o momento certo de vender ações, essas quedas acontecem diariamente com todos os papéis e elas fazem parte justamente da natureza do chamamos de renda variável no mercado financeiro

O que fazer nas quedas

É porque nestes momentos de queda, você precisa se lembrar que você é o dono da empresa e você possui todos os direitos pertinentes de um. É essa mentalidade que você precisa desenvolver, pois é ela que vai te tranquilizar a não vender suas ações isso é baseada por pressão junto com a maior parte das pessoas, justamente nos momentos mais propícios de comprar mais, o lucro líquido é certo.

compra e venda se você vende na hora errada, neste caso você vai sair dizendo para todo mundo que bolsa de valores é a mesma coisa que um cassino que foi feito para tirar o seu dinheiro, é fundamental, espere a hora de vender.

O segundo momento que você não deve vender uma ação é quando a ação sobe e você realiza o lucro antes que ela caia de novo. Você deve estar pensando agora que todo sentido de você investir em ações é comprar quando elas estão na baixa e vender quando elas estão na alta. Errado!

Se você está buscando comprar ações na baixa para vender na alta, o que você está fazendo se chama Trade. Só que trade vai contra tudo o que falamos da mentalidade “dono”. Porque se você já compra um papel pensando na venda, como você poderia dizer que você é dono de um negócio?

Day Traders ou Swing traders não são donos de empresas. E para você ter uma noção a FGV fez um estudo com 19.696 pessoas que faziam Day Trade entre os anos de 2012 e 2017, constatando a pesquisa que 91% de todas essas pessoas registraram prejuízo, enquanto apenas 13 pessoas ou 0,8%, registraram ganhos de acima de 300 reais por dia.

Uma média de 300 reais por dia negociado a cada dia útil é bastante, dá mais ou menos uns 6 mil reais por mês. Só que 6 mil reais também é quanto paga qualquer programa trainne para recém formado.

Ou seja, é um dinheiro que você poderia estar tirando com muito mais segurança, fazendo outra coisa e ainda tendo muito mais qualidade de vida.

E para você ter uma ideia, neste mesmo período da pesquisa entre 2012 e 2017, a Selic, a nossa taxa básica de juros, teve um acumulativo de 82,3%, o que quer dizer que você poderia ter escolhido ter um retorno assim garantido durante 5 anos ou poderia ter escolhido 91% de chances de prejuízo.

Foco no longo prazo! Imediatismo normalmente é acompanhado de prejuízo. Se o pensamento é de longo prazo e não de ter vendas no curto prazo, quando de fato você deve vender as suas ações?

Existe um paradigma entre, principalmente os investidores que acabaram de se tornarem adeptos ao Buy And Hold, de que quando se compra uma ação, você deve única e exclusivamente segura-las para vida.

É logico que no momento essa possa sim, ser a estratégia mais promissora, mas isso não tem muito a ver com o Buy And Hold. Cuidado em não o confundir com Buy And Forget.

Fundamentos inexistentes

Saiba qual é o melhor momento para vender uma ação🏦
Saiba qual é o melhor momento para vender uma ação🏦

O primeiro momento em que você deve vender as suas ações é quando os fundamentos que te fizeram comprar aquelas ações no primeiro lugar não existem mais.

As vezes a demanda do mercado mudou e os produtos e serviços fornecidos pela empresa acabaram ficando obsoletos, quando entraram concorrentes demais e a empresa não conseguiu se manter diferenciada para garantir geração de valor para o seu cliente e consequentemente para o seu acionista ao longo prazo.

Foi o que aconteceu com a Cielo. A Cielo é uma empresa que historicamente tinha resultados incríveis e impecáveis no setor de maquinas de pagamento. Acontece que ela perdeu o monopólio quando entraram dezenas de outras marcas de maquinas de pagamentos que fizeram sua cotação sair de 30 reais para 8 reais.

Esse setor de maquinas de pagamento não é tão diferençável e com isso a entrada desses novos concorrentes, fez com que a Cielo precisasse brigar com preços, corroendo assim as suas margens.

Se a empresa que você comprou perdeu sua valorização você pode escolher vender na totalidade, parcialmente ou simplesmente para de aportar até que você tenha mais histórico de geração de resultados.

Busque diversificar a sua carteira, de forma de você não tenha todo o seu dinheiro alocado em somente um ativo, porque senão o que você estará fazendo será uma aposta de que aquele ativo que você comprou vai performar melhor do que todos os outros quase 400 que existem na bolsa.

Isso obviamente é muito improvável, e por isso, você alocar o seu capital em vários bons ativos garante que você tenha bons retornos no longo prazo e ainda dilua o seu risco de acabar tendo uma interpretação errada a respeito dos seus acompanhamentos de ações, perdendo dinheiro.

O principio da diversificação é justamente que os ganhos somados nos seus ativos de vencedores vão superar as perdas dos seus ativos perdedores.

Valorização de ações

Saiba qual é o melhor momento para vender uma ação🏦

O segundo momento em que você deve vender as suas ações é quando uma ação da sua carteira se valorizou tanto que a quantidade patrimônio que você tem concentrado somente nesse ativo ficou completamente descolado do quanto você tem nos outros.

Por você ter agora tanto patrimônio alocado em somente um ativo, você tem muito risco sobre uma grande quantidade de patrimônio num único ativo.

É por isso que é feito o rebalanceamento, podendo ser de duas formas:

·       Se você tem caixa sobrando e dinheiro para fazer novos aportes, você usa esse dinheiro para aportar nos seus outros ativos que não se valorizaram tanto de forma que eles fiquem mais ou menos no mesmo nível que aquele seu único ativo que de fato se valorizou bastante.

·       E no caso de você não ter caixa o suficiente, pegando assim a diferença do quanto esse ativo que se desvalorizou muito, descolou em relação ao resto da sua carteira, vendendo essa diferença e distribuindo esse dinheiro por todos os outros.

Avaliação